Governo comemora índices de 2014. Números atuais revelam queda de todos os indicadores.

A propaganda de hoje da Prefeitura sobre o IPRS é de 2014. Em saúde (longevidade) Vinhedo é o 79° no Estado.Vamos entender os números reais.

O governo de Vinhedo está divulgando e patrocinando hoje propaganda a respeito da classificação da cidade no Índice Paulista de Responsabilidade Social. Até ai, tudo bem, faz parte do jogo democrático.

No entanto, a propaganda omite no título uma informação importante: os dados são de 2014. O texto também é ufanista e não expressa os comparativos corretos. Então gostaria de fazer alguns comentários.

1 – Os dois índices sociais considerados, longevidade e escolaridade, mantiveram-se estáveis, de 2012 para 2014 e colocavam Vinhedo nas posições 79 e 67 no Estado de São Paulo, respectivamente;

2 – O que joga a cidade para uma posição um pouco mais favorável é a variável riqueza. É inegável, Vinhedo é uma potência econômica, a questão é o uso que se faz desse dinheiro.

3 – A taxa de mortalidade infantil (por mil nascidos vivos) cresceu de 6,81, em 2012, para 8,12, em 2014;

4 – Os poucos índices mais recentes indicam queda geral nos indicadores econômicos e sociais;

5 – Um exemplo é o indicador da Fundação Abrinq, sobre desnutrição infantil. Vinhedo tinha 5,3% de crianças desnutridas em 2014 e subiu para 8% em 2016

https://observatoriocrianca.org.br/cenario-infancia/temas/seguranca-alimentar-nutricional/596-desnutricao-relacao-entre-altura-e-idade-em-menores-de-5-anos?filters=1,201;3940,201;3940,201;3940,201;3940,201;3940,201;3940,201;3940,201;3940,201;3940,201;3940,201;3940,201;3940,201;3940,201;3940,201;3940,201;3940,201;3940,201;3940,201;3940,201

6 – Do ponto de vista da gestão dos recursos a situação é mais delicada. O município rolou ladeira abaixo. Em 2011 ocupava a posição 29º no Brasil e 10º no Estado de São Paulo e agora aparece em 2.850º no ranking nacional e 365º no estadual.

http://www.firjan.com.br/ifgf/consulta-ao-indice/consulta-ao-indice-grafico.htm?UF=SP&IdCidade=355670&Indicador=1&Ano=2016

7 – Não se trata aqui de comemorar a queda que está ocorrendo a olhos vistos e vai ter consequências não somente nos indicadores, mas na vida concreta dos cidadãos. Faço um alerta para que sejam feitas as correções necessárias, e mais, que se evite comemorar números com comparativos forçados e que não expressam a realidade atual (2017).

Anúncios

Muito obrigado por sua contribuição.

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s