Rodrigo Paixão apresenta relatório final dos trabalhos da Comissão que trata da crise hídrica em Vinhedo

Comissão sobre Crise Hídrica apresenta relatório final (para ler o relatório final na íntegra clicar aqui)

Propostas e planejamento também foram tratados em reunião aberta a todos os vereadores
A Comissão de Assuntos Relevantes que trata do abastecimento de água em Vinhedo tem realizado um intenso trabalho, desde sua composição, a fim de elaborar propostas a serem encaminhadas à administração municipal para melhoria no setor.
Na última quarta-feira, 9, o presidente da Comissão de Assuntos Relevantes que trata do abastecimento de água em Vinhedo, vereador Rodrigo Paixão (REDE) convocou todos os vereadores para uma reunião na Câmara com o objetivo de apresentar o relatório final dos trabalhos realizados pelo grupo, as conclusões acerca da crise hídrica vinhedense e propostas que devem ser adotadas pela municipalidade no futuro a fim de garantir o adequado abastecimento da cidade e a preservação dos mananciais.
Além de Paixão, os vereadores Valdir Barreto (PSOL), Hamilton Port (PROS) e Dr. Dario Pacheco (PSDB), membros da Comissão, foram os únicos a comparecer ao encontro.
O grupo destacou que apesar dos problemas enfrentados por Vinhedo devido à má gestão dos recursos hídricos, a cidade possui Plano Diretor de Abastecimento e Plano Municipal de Saneamento Básico, que devem urgentemente ser atualizados de acordo com as atuais necessidades do município.
Dois itens do relatório são dedicados à descrição da atual situação das sub-bacias das bacias do Capivari e do Atibaia. Em comum, todas apresentam nível de água abaixo do normal e grande concentração de poluentes, o que, obviamente, gera problemas ao adequado abastecimento de uma cidade em constante crescimento, nem sempre ordenado, como Vinhedo.
O Córrego Iguatemi, pertencente à sub-bacia do Bom Jardim, bacia do Atibaia, é a única fonte de água que atravessa Vinhedo que não contribui para o abastecimento. Esse córrego deságua no conjunto de represas de Valinhos, e durante esse trajeto não passa por nenhum sistema de captação vinhedense.
Principais Propostas
Dentre as principais propostas, a reforma do Plano Diretor tem sido fortemente defendida, visando um planejamento ordenado e o crescimento sustentável da cidade. O aumento do rigor na concessão de diretrizes de novos loteamentos seria uma das principais alterações.
Outras propostas incluem a criação de áreas de proteção ambiental, atualização do Plano Municipal de Saneamento, manutenção e recuperação de mananciais e nascentes, elaboração do Plano Municipal de Contingência e Emergência, acompanhamento de projetos de abastecimento na região que influenciam o sistema vinhedense, ampliação da reserva estratégica da cidade, investir em equipamentos para controle e redução de perdas, entre outros.
Encaminhamento do relatório
A Comissão planeja ler o relatório na íntegra já na 125ª Sessão Ordinária, prevista para o dia 14, a última antes do recesso legislativo, e encaminhá-lo ao Poder Executivo na mesma data.
“Nossas propostas estão bem detalhadas nesse relatório, que será encaminhado à Prefeitura para que as medidas saiam do papel; a Comissão realizou um trabalho cuidadoso, embasado em critérios técnicos, e espera que de fato a municipalidade se utilize disso para superar a crise hídrica que vivemos”, enfatizou Rodrigo Paixão.
Anúncios

Muito obrigado por sua contribuição.

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s